• ConsultorDigitalMarco

Prestem atenção à Publicidade Ambígua! Vivo é campeã nesse tema

VivoLimitaCreditosCelular

Operadoras de celular costumam fazer com frequência esse tipo de propaganda, uma bem comum, que poucas pessoas percebem, é sobre os minutos do plano, a Vivo, faz muito esse tipo de Ambiguidade, você adquire um plano pequeno de 75 minutos para outras operadoras e à vontade para Vivo, mas seus créditos terminam bem mais rápido que você esperava, e você pensa, eu ligo bastante, mas geralmente, ligo mais para Vivo, não deveria ter terminado os créditos, pois todos da sua relação constante, possuem celular vivo. Então você vai conferir a conta, e percebe que seus créditos para outras operadoras foram descontados enquanto você realizava suas ligações para Vivo, pois quando você liga para reclamar, dizendo que conferiu sua conta, e que só havia uma ligação de 3 minutos para outra operadora, os atendentes dizem que é assim mesmo, que primeiro acabam os créditos(75 minutos), depois é que a vantagem de ligar de Vivo para Vivo de graça começa. 

Por que as pessoas não percebem isso? Só para mim que isso é errado? Você não crê que esse procedimento esteja errado? Por que não nos juntamos para reclamar esse ponto?

Será que nesse caso caberia a Lei Federal nº 8.137/90, em seu artigo 7º?

Caracterizar como crime: a conduta de: “induzir o consumidor ou usuário a erro por via de indicação ou afirmação falsa ou enganosa sobre a natureza, qualidade do bem ou serviço, utilizando-se de qualquer meio, inclusive a veiculação ou divulgação publicitária”. A pena fixada é de detenção, variando de 2 (dois) a 5 (cinco) anos, ou multa.

Seria apropriada essa lei nesse caso?

Abaixo dessa foto tem a multa que a VIVO recebeu por iludir seus usuários, continue lendo.

OperadoraVivoCelular

A Vivo já foi multada por uma promoção de Natal mal explicada, veja essa:

A Secretaria Nacional do Consumidor, pela Nota Técnica nº 137/2013-CGCTPA/DPDC/Senacon/MJ, multou a empresa VIVO S.A, na promoção “VIVO de Natal”, pois não foi prestada informação adequada ao consumidor de forma clara e ostensiva sobre o serviço de telefonia móvel para obtenção de minutos e torpedos, tendo em vista que se exigia condições especiais para se conseguir crédito.

A mensagem publicitária induziria o consumidor a acreditar que, na compra ou troca de um aparelho celular da empresa, poderia escolher 3 (três) pessoas assinantes para:

a) telefonar ao custo de R$ 0,09 (nove centavos) o minuto, pelo período de um ano;

b) “ganhar” R$ 500,00 (quinhentos reais) em ligações;

c) “ganhar” 500 (quinhentos) torpedos SMS;

d) as 3 (três) pessoas escolhidas pelo consumidor “ganhariam” R$ 100,00 (cem reais) em ligações e mais 100 (cem torpedos), sem qualquer restrição.

Porém, o que não ficava claro ao consumidor é que as 3 (três) pessoas escolhidas pelo consumidor ‘ganhariam’ R$ 100,00 (cem reais) em ligações e mais 100 (cem) torpedos somente depois que realizassem uma recarga mínima de R$ 15,00 (quinze reais), e de que haveria restrição para ligar com custo de R$ 0,09 (nove centavos) o minuto por um ano.

#Propagandaambígua #ilusãodavivo #reclamaçãoemgrupo #créditosdeveriamdurarmais #multadaVivo #reclamardeoperadoradecelular #créditosacabamrápido #práticasuspeita #reclamardavivo #leifederal813790 #ilusãodeoperadora #operadoravivo #crimefederal

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo